Criptomoedas

Aqui vai encontrar Criptomoedas, separadas por ordem alfabética. Nome da Moeda, a respetiva sigla e o nome da Blockchain. A sigla são as letras que aparecem a definir a moeda nas Exchanges ou nas carteiras (wallets). O objetivo desta página é um resumo minimalista de cada uma das moedas e o que as distingue. No caso de não saber o significado de algumas palavras pode pesquisar no nosso dicionário. Qual o seu propósito ou o que se propõe a fazer…

O Que é uma Boa Criptomoeda?

Utilidade dentro do Ecossistema, Resistente à Inflação, se tem Potencial de Escalabilidade e se está presente nas principais Exchanges.

Aptos

Aptos - APT

Aptos é uma blockchain de camada 1 ou Layer 1 como preferirem, em POS, o nome da moeda é o mesmo Aptos e a sua sigla é APT. Lançada em Março de 2022, fundada por MoShaikh e Avery Ching, ambos ex-funcionários da Meta (grupo facebook). A equipa por trás da Aptos promete processar, mais de 150 Mil transações por segundo (Tps). Tem um Total Supply de 1 Bilião e 24 Milhões de Tokens.

Avaliação Mercado Luso
2.8/5
ASTR

Astar - ASTR

Nome da moeda Astar Network, a sigla é ASTR. Infraestrutura para construir dApps no ecossistema da Polkadot, que trabalha na linguagem da Ethereum com soluções de camada 2 como ZK Rollups. Em resumo a Astar pretende ser uma plataforma de Smart Contract Multichain, que trabalhará com várias blochchains. Astar vem suprimir algo que faltava na Polkadot, uma parachain. Total Supply 7 Mil Milhões de tokens.

Avaliação Mercado Luso
2.6/5

Avalanche-AVAX

Nome da moeda Avalanche, curiosamente tem três Blockchains individuais, a X-chain, C-chain e P-chain, a sua sigla é AVAX. Plataforma de smart contracts para Web3 e dApps, aplicativos descentralizados. Lançada como rival da Ethereum, em 2020 pela Ava Labs. Fundada pelo professor Emin Gun Sirer entre outros. Max Supply de 720 Milhões e um Total Supply de 420 Milhões.

Avaliação Mercado Luso
3.3/5
BNB

Binance - BNB

A blockchain chama-se Binance Smart Chain, a moeda é a Binance e a sua sigla é BNB. É um token de governança da Exchange com o mesmo nome Binance. É centralizada e à data a maior exchange de cripto. Criada em 2017, emitida no inicio como um token ERC-20 (rede ethereum), transferido mais tarde para a rede Binance. Máximo de Suply 200 Milhões. Tem Mecanismo de Queima. Layer 1 (um).

Avaliação Mercado Luso
4/5
BUSD

Binance - BUSD

Nome da moeda Binance USD a sigla BUSD, representa uma Stablecoin, pareada com o Dólar Americano. Esta stablecoin foi emitida pela Binance em pareceria com a Paxos e é usada na exchange da Binance, como stablecoin própria. Ou seja 1 BUSD é igual a 1 Dólar. Total Suply à data mais de 16 Mil Milhões de tokens BUSD.

Avaliação Mercado Luso
3.5/5
BTC

Bitcoin - BTC

A blockchain chama-se Bitcoin a moeda também e a sua sigla é BTC. Primeira criptomoeda a ser criada com o objetivo de ser descentralezada. Hoje em dia vista como moeda de reserva de valor. Total Suply 24 Milhões. Não tem Mecanismo de Queima. Layer 0 (zero). POW.

Avaliação Mercado Luso
5/5
BCH

Bitcoin Cash

A blockchain chama-se Heco, a moeda é o Bitcoin Cash e a sigla é BCH. Bitcoin Cash resultou de um hard fork da blockchain do Bitcoin. Ocorreu em 1 de Agosto de 2017, mais tarde em 16 de Novembro de 2018 novo hard fork e dividiu-se em Bitcoin SV e Bitcoin ABC. Resultados destes hard forks o Bitcoin Cash tornou-se mais rápido e mais barato nas transações do que o Bitcoin. Esta moeda tem como propósito ser moeda de pagamentos e reserva de valor. Max Supply de 21 Milhões, Total e Circulating Supply pouco mais de 19 Milhões.

Avaliação Mercado Luso
3.5/5
ADA

Cardano - ADA

Nome da Moeda Cardano, blockchain Cardano e a sigla é ADA. Software de código aberto, fundada em 2017, plataforma para Smart Contracts. Foi fundada por Charles Hoskinson, um dos cofundadores da concorrente Ethereum. Sendo que a Cardano também é uma concorrente da Ethereum. Máximo Supply de 45 Mil Milhões de tokens e um Total Supply de 31 Mil Milhões de tokens. Trabalha em POS.

Avaliação Mercado Luso
3.5/5
LINK

Chainlink - LINK

Nome da Moeda Chainlink, rede descentralizada com a sigla LINK. Fundada em 2017, por Sergey Nazarov um dos cofundadores e CEO da Chainlink. É a primeira a trabalhar com dados off-chain. Faz a ligação do mundo real á Blockchain através de Smart Contracts. Tem um Total e Máximo Supply de Mil Milhões de tokens. Trabalha em POS.

Avaliação Mercado Luso
4/5
ATOM

Cosmos - ATOM

Nome da moeda é Cosmos, a blockchain Cosmos Network e a sua sigla é ATOM. Cosmos é um projeto que promete ligar blockchains POW, que por norma são lentas, caras, falta de escalabilidade e consomem muita energia. Promete também tornar a tecnologia blockchain menos complexa e mais fácil para os desenvolvedores de aplicações. Origem em 2014, em 2016 lançado o White Paper e a primeira venda em 2017. Circulating 286 Milhões

Avaliação Mercado Luso
2.6/5
Cronos

Cronos - CRO

Nome da moeda é Cronos e a sua sigla é CRO, Crypto.com chain a sua blockchain, esta descentralizada e de código aberto. lançada em Novembro de 2018, fundada em Junho de 2016 como "monaco technologies Gmbh", por Kris Marszalek, Rafael Melo, Garyor e Bobby Bao. Token de governança utilizado na Crypto.com para pagar taxas de transação. Podem ainda fazer stake para serem validadores da rede. Maximo Supply mais de 30 Biliões de tokens.

Avaliação Mercado Luso
2.9/5
DAI

Dai - DAI

Nome da moeda é Dai, e a sua sigla também é DAI. É uma stablecoin lastreada no Dólar. Garantida por várias criptomoedas depositadas em cofre de Smart Contract, sempre que um novo token DAI é cunhado. O software que gere a emissão de novos tokens DAI é MakerDao (organização autónoma descentralizada), através do protocolo Maker. Total Supply mais de 5 Mil Milhões de tokens.

Avaliação Mercado Luso
2/5
dogecoin

Dogecoin - DOGE

Nome da moeda Dogecoin, a sua sigla é DOGE. Moeda criada por brincadeira, para pagamentos peer-to-peer. Software aberto, criado por Billy Markus, entre outros, em 2013. Levado ao conhecimento público pelos tweets de Elon Musk. Tem uma comunidade muito grande, daí se encontrar hoje janeiro de 2023 em 9º lugar do ranking de todas as moedas. Total Supply 132 Mil Milhões tokens.

Avaliação Mercado Luso
2/5
ETC

Ethereum Classic - ETC

Nome da moeda é Ethereum Classic, a sua sigla é ETC. Surgiu num hard fork em junho de 2016 na rede Ethereum. O seu propósito é ser uma rede de smart contract, com capacidade de suporte para DApps. Objetivo do ETC é preservar a blockchain da Ethereum, na sua forma original. Minerado em POW. Total e Máximum Supply de 210 Milhões de tokens.

Avaliação Mercado Luso
3.2/5
ether

Ether - ETH

Nome da moeda Ether, da blockchain Ethereum e a sigla é ETH. Software de código aberto, criado em 2013, o cofundador mais conhecido é Vitalik Buterin. ICO lançada no verão de 2014 e a sua blockchain em Julho de 2015. Ether é a primeira Altcoin pioneira em Smart Contract. Vários projetos tentaram ultrapassar o Ether mas até á data continua a ser a segunda maior criptomoeda. Toatal Supply mais de 122 Milhões de tokens. Tem mecanismo de Queima e passou recentemente de POW a POS. Layer 0.

Avaliação Mercado Luso
4.5/5
Filecoin

Filecoin - FIL

A blockchain chama-se Heco, a moeda Filecoin e a sua sigla é FIL. Projeto definido em 2014, a sua ICO em 2017 e o seu lançamento por volta de Outubro 2020. O seu propósito é uma rede de armazenamento descentralizado para armazenar as informações mais importantes da humanidade. Fundada por Juan Benet, cientista da computação Americano. Torna-se única por o seu armazenamento ser descentralizado. Total Supply de 407 Milhões.

Avaliação Mercado Luso
3.3/5
Hedera

Hedera - HBAR

Nome da moeda Hedera hashgraph a sua sigla é HBAR. Foi apresentada como "camada de segurança da Internet", uma rede pública que permite criar aplicações descentralizadas (DApps). lançada em agosto de 2018, disponibilizada em Setembro de 2019. Fundada por DR. Leemon Baird e Mance Harmon. Diferente de todas as cripto, porque não é construida em cima de uma blockchain, mas sim num novo tipo de tecnologia conhecida como Hashgraph. Tem como limite 10 000Tps (transações por segundo). O seu Máximo Supply é de 50 Biliões em Circulação cerca de 30 Biliões.

Avaliação Mercado Luso
2.8/5
LDO

Lido - LDO

Nome da moeda é Lido, a sigla é LDO o ecossistema chama-se Lido Dao. Uma organização autónoma e descentralizada. Uma das principais plataforma de Stacking Liquído, que trabalha com vários ecossistemas como a Kusama, Solana , Ethereum, Polkadot e Polygon. Máximo Supply Mil Milhões de tokens LDO.

Avaliação Mercado Luso
3.5/5
LTC

Litecoin - LTC

Nome da moeda é Litecoin, a blockchain Litecoin Network, a sigla é LTC. Criada em Outubro de 2011 por Charlie Lee, um dos primeiros mineradores de bitcoin conhecido por "Chocobo" ex-funcionário da Google. À imagem do bitcoin, segura mas mais rápida e menos dispendiosa. Sofware de código aberto, com base no protocolo do bitcoin. Total e Máximo Supply de 84 Milhões moedas. Não tem mecanismo de queima, atinge o seu Máximo Supply em 2140. Layer 0 em POW.

Avaliação Mercado Luso
4/5
XMR

Monero - XMR

Nome da moeda Monero e a sua sigla é XMR. Foi lançado em 2014, o seu propósito, permitir que as transações ocorram de forma privada e anónima. Oculta os remetentes e destinatários, até o valor enviado. Moeda destinada a pagamentos. Os seus fundadores são anónimos. Total Supply 18 Milhões.

Avaliação Mercado Luso
2.1/5
MULTI

Multichain - MULTI

Nome da moeda é Multichain, a sigla é Multi. É uma infraestrutura para interoperabilidade entre diferentes blockchains. Veio substituir a Anyswap. A troca foi de 1ANY por 1MULTI. Total de Supply é o mesmo do Máximo Supply 100 Milhões de tokens.

Avaliação Mercado Luso
2.7/5
OKB

OK Blockchain - OKB

Nome da moeda é OK Blockchain e a sua sigla é OKB. Lançada pela OK Blockchain Foundation e pela exchange Maltesa OKEX. Uma das maiores exchanges. Logo OKB é o token de governança da exchange o que lhe permite descontos nas taxas da corretora. É feita queima de tokens a cada 3 meses, há data da publicação o Total Supply é de 300 Milhões.

Avaliação Mercado Luso
2.8/5
op

Optimism - OP

Nome da moeda Optimism, blockchain Ether e sigla OP. Solução rollup de alto rendimento, para baixar o preço das transacções na rede Ethereum, mantendo a segurança.Total Supply à data cerca de 4 Mil Milhões de tokens. Layer 2.

Avaliação Mercado Luso
3.5/5
DOT

Polkadot - DOT

A blockchain chama-se Polkadot a moeda também e a sua sigla é DOT. É a base das Parachains. O seu propósito é fazer a ligação entre várias redes blockchains. Protocolo Multichain de código aberto para Web3. Total Suply à data é de 1Bilião e 270 Milões de tokens, mas tem um Mecanismo de Queima. Layer 0 (zero). POS.

Avaliação Mercado Luso
4/5
MATIC

Polygon - MATIC

Anteriormente Matic Network, nome da moeda Matic, a blockchain Polygon e a sigla é MATIC. A rede permite cadeias Optimistic Rollup e ZK Rollup. Polygon transforma Ehereum num sistema Multichain. Permite ainda maior escalabilidade na rede mantendo a segurança e taxas mais baixas. Foi lançada em Outubro de 2017, e começou a ser usada em 2019. Jaynti Kanami um dos fundadores da Polygon é agora o CEO da empresa. Embora suporte apenas a Blockchain Ethereum, pretende estender suporte a outras Blockchains. Tem um Total e Máximo Supply de 10 Mil Milhões de tokens. Layer 2 em POS. Tem queima de Tokens.

Avaliação Mercado Luso
4.2/5
shiba inu

Shiba Inu - SHIB

Nome da moeda Shiba Inu, a sua sigla é SHIB. Começou como meme coin em Agosto de 2020 criada anonimamente. Blockchain de layer 2, veio á ribalta com tweets de Elon Musk. Tem uma comunidade bastante grande o que faz com que esteja no 14º lugar no ranking das criptomoedas, em janeiro de 2023. Total Supply mais de 589 Triliões de tokens.

Avaliação Mercado Luso
2/5
solana

Solana - SOL

Nome da moeda Solana, a sua sigla é SOL e a blockchain é Solana Network. Projeto de código aberto, embora a ideia tenha começado em 2017, só foi lançada em 2020 pela fundação Solana. Com sede em Genebra, Suiça, combina POH com POS. Total Supply de 540 Milões e em circulação cerca de 371 Milhões.

Avaliação Mercado Luso
3.1/5
XLM

Stellar - XLM

A moeda chama-se Stellar com a blockchain própria e a sua sigla é XLM. Rede aberta que permite a movimentação e o armazenamento de dinheiro. Lançada em Julho de 2014. Stellar foi originalmente baseada no protocolo Ripple Labs, a sua blockchain foi o resultado do hard fork. Fundada por Jed McCaleb após deixar a Ripple em 2013. Máximo Supply de 50 Biliões e em circulação cerca de 26 Bilhões.

Avaliação Mercado Luso
3.5/5
tether

Tether - USDT

Nome da moeda Tether, a sigla é USDT, representa uma Stablecoin, lastreada no Dólar Americano. Foi a pioneira das stablecoins, criada pela Tether. Usada em múltiplas exchanges o seu valor é 1 USDT igual a 1 Dólar Americano. Total Suply à data cerca de 66 Mil Milhões de tokens.

Avaliação Mercado Luso
3.9/5
TON

Toncoin - TON

Nome da moeda Toncoin, a sigla é TON, uma blockchain Open Network criada dentro da Ethereum. Foi desenvolvida em 2018 pela Telegram, o projeto foi abandonado e assumido pela TON Foundation. O projeto é construir um ecossistema e serviços descentralizados, com transações instantâneas. Tem Wallet. Máximo Supply 5 Mil Milhões, Layer 1, POS (Proof-of-Stake).

Avaliação Mercado Luso
2.7/5
Trueusd

Trueusd - TUSD

Nome da moeda Trueusd a sua sigla é TUSD. É uma stablecoin atrelada ao valor do Dólar. Lançada em janeiro de 2018, administrada pela TrustToken. Em Outubro de 2020 estava em 38ª na tabela de capitalização de mercado. Criada por Cosman, que descreve a TUSD como "a primeira stablecoin regulada totalmente garantida pelo Dólar Americano". Total Suplly de 2 Biliões de Tokens.

Avaliação Mercado Luso
2.6/5
TRX

Tron - TRX

Nome da moeda Tron, blockchain Tron Network e a sua sigla é TRX. Blockchain desenvolvida pela Tron Foundation, lançada em 2017. No ínicio os seus tokens eram criados na Rede Ethereum mas em 2018 passaram para a Rede Tron. Objetivo criar direitos de propriedade para criadores de conteúdo, sem intermediários como Youtube ou Facebook. Total Supply 91 Mil Milhões

Avaliação Mercado Luso
2.8/5
UNI

Uniswap - UNI

Nome da moeda Uniswap e a sua sigla é UNI. É um protocolo de negociação descentralizado, uma DEX. Lançado em 2018 é uma das primeiras exchanges para negociação de tokens. Em 2020 lançou o seu token de governança o UNI. O criador da plataforma foi Hayden Adams. Em termos de volume de negociação a Uniswap ficou em 1º lugar no ano de 2021. Máximo e Total Supply é de Mil Milhões.

Avaliação Mercado Luso
3.6/5
LEO

Unus Sed Leo - LEO

Nome da moeda Unus Sed Leo e a sigla é LEO. Token usado no ecossistema iFinex. A moeda permite que quem usa a echange Bitfinex economize nas taxas. LEO foi lançado em 2019, fundada pela IFinex que controla a Bitfinex. Criada em 2 Blockchains, na Ethereum e na EOS. O token tem queima total dos tokens, ou seja, vai acabar por desaparecer. Foi criada com o intuito de devolver valor aos usuários, que perderam tokens da Crypto Capital, apreendidos pelo governo. Total Supply 985 Milhões

Avaliação Mercado Luso
3/5
USDC

USD Coin - USDC

Nome da moeda USD Coin, a sigla USDC, representa uma Stablecoin, lastreada no Dólar Americano. Esta stablecoin foi criada pela empresa Circle e Coinbase. Usada em várias exchanges o seu valor é 1 USDC igual a 1 Dólar Americano. Total Suply à data 44 Mil Milhões de tokens USDC.

Avaliação Mercado Luso
4/5
WOO

Woo Network - WOO

Nome da moeda Woo Network. a sigla é WOO. É um ecossistema desenvolvido pela Kronos Research e lançado em Outubro de 2020. Uma rede de alta liquidez, que conecta traders, exchanges e plataformas de Defi com um custo muito baixo em taxas. Woo divide-se em Woo X uma CEX,, Woo Fi uma DEX e numa plataforma de Stacking. Tem queima de tokens mensal até atingir 50% do fornecimento máximo. Max Supply 3 Mil Milhões, Total Supply á data 2,250 Mil Milhões de tokens.

Avaliação Mercado Luso
3.3/5
WBTC

Wrapped Bitcoin - WBTC

Nome da moeda Wrapped Bitcoin, a sigla é WBTC. Esta moeda é atrelada ao valor do Bitcoin, ou seja tem o mesmo valor. Mas esta roda na blockchain da Ethereum. É compativel com ERC-20, que permite ser integrado no ecossistema de trocas descentralizadas desta Rede. Foi anunciado em Outubro de 2018 e lançado em Janeiro de 2019. Em suma WBTC é a forma de ter BTC na Rede Ethereum. Total Supply de 176 Mil e 648 tokens.

Avaliação Mercado Luso
3.5/5
XRP

Xrp ledger - XRP

Nome da moeda XRP, criada pela empresa Ripple, o nome da blockchain é XRP Ledger e a sigla da moeda é XRP. Software de código aberto, com o propósito de ser moeda de pagamentos. Rápida e de baixo custo. XRP Ledger fundada em 2012 por David Schwartz, Jed McCaleb e Arthur Britto. Não tem uma blockchain própriamente dita, mas sim um livro-razão distribuido (distributed ledger) onde validadores, verificam cada uma das transações. Não é descentralizado pois é a empresa Ripple que aprova os validadores. Máximo Supply 100 Mil Milhões, em circulação 50 Mil Milhões.

Avaliação Mercado Luso
3.2/5
Número interessante
10 0
plugins premium WordPress
Mercado Luso SMS

Entre para o nosso Grupo. Receba informações atualizadas sobre o mundo das criptomoedas!

Explicamos tudo de forma simples!!!