Se não conheces, não sabes, não acreditas ou não podes... NÃO INVISTAS !!
Se não conheces, não sabes, não acreditas ou não podes... NÃO INVISTAS !!
Bitcoin
$ 31,383
Ethereum
$ 2,285.6

O “Trilemma” Blockchain: Descentralizada, Escalável e Segura?

Caro internauta,

Um tema de que se ouve muito falar, mas que poucos entendem do que se trata é a questão do trilema da blockchain.

Por ser uma questão fundamental na evolução das blockchain’s no que respeita a sua segurança, escalabilidade e descentralização, hoje o Mercado Cripto traz-vos um trabalho da CERTIK e publicado na médium, sobre esta questão central.

É certo que existe abundante informação sobre este problema, uma mais aprofundada outra nem tanto, o Mercado Cripto optou por esta, por dar uma explicação sintética e suficientemente esclarecedora, sem se tornar muito técnica e exaustiva sobre esta questão complexa, mas também por ter a chancela de credibilidade de uma entidade como a Certik.

O Mercado Cripto espera que este artigo o ajude a elucidar mais um pouco sobre este “trilema” central.

Os projetos blockchain são conhecidos pela sua visão e ambição — mas o que priorizam e como são conhecidos pode variar. Normalmente, os projetos giram em torno de três conceitos fundamentais: descentralização, escalabilidade e segurança.

Denominado por Vitalik Buterin, o Trilemma da Blockchain aborda os desafios que os desenvolvedores enfrentam na criação de uma blockchain que seja escalável, descentralizada e segura – sem comprometer qualquer uma destas características.

Os projetos assentes em blockchains são muitas vezes forçados a fazer “conceções” que os impedem de alcançar, na sua plenitude, estes 3 requisitos:

  1. Descentralizada: criar um sistema blockchain que não dependa de um ponto central de controlo
  2. Escalável: a capacidade de um sistema blockchain lidar com uma quantidade cada vez maior de transações sem degradar a sua performance
  3. Seguro: a capacidade do sistema blockchain de funcionar como esperado, defender-se de ataques, bugs e outros problemas imprevistos

Enquanto alguns desenvolvedores acreditam que a própria estrutura de dados duma blockchain tem limitações inerentes, que a impedem de escalar, muitos arquitetos, incluindo os da Certik, acreditam que é possível construir um projeto blockchain que atinja os três objetivos: que seja escalável, descentralizado e segura.

Elementos Fundamentais do Trilemma

Descentralização

A descentralização é uma componente central da blockchain. Nas finanças tradicionais, o sistema é inteiramente centralizado. Os clientes passam o controlo dos seus ativos aos bancos, desde a sua documentação pessoal até aos seus próprios ativos, para que os bancos detenham o controlo total.

A bitcoin e outras criptomoedas oferecem uma alternativa descentralizada e transparente, servindo como emissão e armazenamento de dinheiro, sem a necessidade de uma entidade centralizada.

Os sistemas descentralizados importam porque conferem poder à propriedade sem permissão, onde qualquer utilizador pode usar e construir na plataforma. As decisões são tomadas por consenso, o que significa que as transações são aprovadas por um grupo de nós em oposição a um nó individual.

Uma vez que estas transações são verificadas por consenso, não podem ser alteradas após o facto. Portanto, o risco não é colocado numa entidade central, e a confiança não depende de outro indivíduo ao realizar-se uma transação.

No entanto, um requisito para descentralização pura é a rapidez. Se uma transação requer várias confirmações antes de chegar a um consenso, então inerentemente, levará mais tempo do que se uma transação puder ser confirmada apenas, por uma única entidade. A Bitcoin é conhecida por ser robustamente descentralizada, mas ao mesmo tempo lenta.

Escalabilidade

A escalabilidade é importante para a adoção em massa. É a questão de quanto um sistema blockchain pode suportar, e se o sistema pode funcionar sem problemas à medida que a procura nessa blockchain aumenta.

Vamos usar como exemplo o EOS, um projeto blockchain focado na escalabilidade. Atualmente, a capacidade máxima de transação do EOS indica cerca de 4.000 TPS, ou transações por segundo. Mais importante ainda, o whitepaper de EOS aponta como objetivo, no futuro, processar milhões de transações por segundo.

Comparativamente, a Visa lida com uma média de 63.000 TPS. Se o EOS conseguir cumprir a sua promessa de escalabilidade, pode criar uma rede superior a um grande serviço de crédito internacional. Nada mau!

Mas, como o trilema sugere, há uma “compensação”. O EOS serve como um exemplo do que o foco na escalabilidade pode oferecer, mas tem recebido críticas por ser demasiado centralizado, comprometendo, desta forma e em certa medida, um dos pilares da blockchain que é a descentralização.

Segurança

Sendo uma nova e promissora tecnologia que procura melhorar as infraestruturas existentes ou criando de raiz novos ecossistemas, a segurança de um sistema blockchain é primordial.

Com uma enxurradas de hacks de alto nível às casas de cambio e vulnerabilidades manipuladas no código fonte, é evidente que muitos projetos cripto optaram por se concentrar na descentralização e escalabilidade, deixando a segurança para trás.

Os ecossistemas blockchain, apesar de todos os seus aspetos positivos, dependem da força do código-fonte subjacente – como qualquer outra coisa, deve ser cuidadosamente examinado.

Devido à natureza transparente do código fonte e aos benefícios potencialmente lucrativos que se pode receber através da realização de um ataque bem-sucedido, os blockchains tornaram-se alvos prioritários para os hackers.

Enquanto a escalabilidade se concentra no lado positivo, a segurança impede o lado negativo – algo igualmente importante, mas demasiadas vezes esquecido. Promissores casos de uso de blockchain enfrentaram contratempos que sufocaram o seu crescimento, como é exemplo o notório ataque DAO, que foi provocado devido a uma segurança imprópria do código fonte.

É Realmente um Trilemma?

Em primeiro lugar, é importante notar que o “trilemma” é apenas um modelo para conceptualizar os vários desafios que a tecnologia blockchain enfrenta. Não existe nada que indique que os três aspetos não possam ser alcançados. Mas, até à data, as equipas têm trabalhado em diferentes abordagens numa tentativa de maximizar a descentralização, a escalabilidade e a segurança.

A Fundação CertiK acredita que o “trilemma” pode ser mais bem conceptualizado numa pirâmide. A camada base é a camada fundamental que sustenta todas as outras: a segurança. Sem isso, a descentralização pode ser corrompida, e a escalabilidade pode ser de curta duração. A Fundação Certik está a trabalhar numa abordagem construtiva: construir, de raiz, uma blockchain certificada, a “CertiK Chain”, fornecendo a blockchain mais robusta e focada na segurança do mundo, permitindo aos desenvolvedores programar com confiança.

A segurança criará as bases para que a descentralização e a escalabilidade floresçam. A descentralização é um processo que leva tempo, e a escalabilidade é um aspeto que deve estar sempre a melhorar. A Fundação Certik considera que a segurança é inalienável; construída por especialistas de software totalmente confiável e seguro, a “CertiK Chain” prioriza a segurança, em primeiro lugar.

O mundo da blockchain há muito que aguarda a entrada de empresas estabelecidas na utilização de tecnologias blockchain, sendo muitas vezes apontado como primeiro obstáculo à sua entrada, a falta de escalabilidade. Embora a falta de escalabilidade possa certamente ser um fator, a falta de uma segurança fiável traria, certamente, um forte contributo para esta relutância.

Ao contrário das startups, as grandes empresas são mais avessas ao risco porque têm muito mais a perder. Por essa razão, é imperativo que as empresas possam confiar plenamente nas novas tecnologias antes de as incorporarem nos seus sistemas. A “Certik Chain” reforçará a confiança fornecendo provas legíveis por máquina, que podem ser verificadas independentemente, para uma total transparência da segurança do código.

Independentemente da forma do “trilemma”, está provado que é difícil para qualquer sistema blockchain alcançar efetivamente a descentralização, escalabilidade e segurança. A tecnologia Blockchain está na sua infância, e as abordagens tecnológicas só podem melhorar. A “CertiK Chain” é única na sua prioridade pela segurança; estabelecendo uma camada fundamental forte, as possibilidades são infinitas.

Mercado Cripto

Fonte: medium Fonte Imagem de Capa : cryptocompare

É imperativo que qualquer tomada de decisão seja efetuada após pesquisa complementar a este documento e nunca baseada apenas no que aqui foi transmitido. Não se trata de aconselhamento seja de que índole for, financeiro, tecnológico ou outro. Faça a sua pesquisa e tire as suas conclusões, apenas a si cabe essa responsabilidade, o Mercado Cripto não tem qualquer tipo de responsabilidade, seja direta ou indireta, nas decisões que opte por tomar.

Publicações Relacionadas

Deixe um Comentário

USD
EUR
bitcoinBitcoin (BTC)
$ 60,667.00
ethereumEthereum (ETH)
$ 4,152.53
tetherTether (USDT)
$ 1.00
binance-coinBinance Coin (BNB)
$ 480.18
cardanoCardano (ADA)
$ 2.15
dogecoinDogecoin (DOGE)
$ 0.256930
xrpXRP (XRP)
$ 1.11
bitcoinBitcoin (BTC)
52.046,52
ethereumEthereum (ETH)
3.562,48
tetherTether (USDT)
0,857905
binance-coinBinance Coin (BNB)
411,95
cardanoCardano (ADA)
1,84
dogecoinDogecoin (DOGE)
0,220422
xrpXRP (XRP)
0,952275

Toque para Listar Todas as Criptos

Encontre mais de 5000 Projetos

Artigos Exclusivos no Seu E-mail

Indique aqui o seu melhor e-mail:

Dados Globais

  • Market Cap: $1,432,056,113,444.17
  • Vol 24h: $99,338,678,558.04
  • Dominância do BTC44.43%

Já leu?

alexcrypto default
Alexcrypto – “Bounce Confirmado + CZ Quer Sair da Binance + Mega Mineradora”
28 de Julho, 2021por
Coin Metrics, Estado da Rede: Edição 113
27 de Julho, 2021por
ON-CHAIN-DATA
”THE WEEK ON-CHAIN” (SEMANA 30, 2021) Analise Glassnode
26 de Julho, 2021por

Vídeos

alexcrypto defaultem,
Alexcrypto – “Bounce Confirmado + CZ Quer Sair da Binance + Mega Mineradora”
28 de Julho, 20210

Formação Alex Crypto


bitcoin
Bitcoin (BTC) $ 60,667.00 4.05%
ethereum
Ethereum (ETH) $ 4,152.53 1.94%
binance-coin
Binance Coin (BNB) $ 480.18 1.51%
tether
Tether (USDT) $ 1.00 0.03%
cardano
Cardano (ADA) $ 2.15 0.16%
solana
Solana (SOL) $ 200.25 4.66%
xrp
XRP (XRP) $ 1.11 0.96%
polkadot
Polkadot (DOT) $ 45.19 1.40%
dogecoin
Dogecoin (DOGE) $ 0.256930 3.29%
usd-coin
USD Coin (USDC) $ 1.00 0.11%
shiba-inu
Shiba Inu (SHIB) $ 0.000048 12.66%
terra-luna
Terra (LUNA) $ 44.18 2.73%
avalanche-2
Avalanche (AVAX) $ 69.23 0.94%
chainlink
Chainlink (LINK) $ 32.66 0.72%
uniswap
Uniswap (UNI) $ 26.69 0.45%
litecoin
Litecoin (LTC) $ 198.83 1.33%
wrapped-bitcoin
Wrapped Bitcoin (WBTC) $ 60,661.00 4.21%
binance-usd
Binance USD (BUSD) $ 1.00 0.06%
algorand
Algorand (ALGO) $ 2.03 1.27%
cosmos
Cosmos (ATOM) $ 43.15 22.15%
matic-network
Polygon (MATIC) $ 1.74 3.88%
bitcoin-cash
Bitcoin Cash (BCH) $ 612.63 1.30%
vechain
VeChain (VET) $ 0.141412 1.71%
stellar
Stellar (XLM) $ 0.375309 3.16%
internet-computer
Internet Computer (ICP) $ 47.09 3.65%
fantom
Fantom (FTM) $ 3.15 3.62%
axie-infinity
Axie Infinity (AXS) $ 129.49 2.11%
ftx-token
FTX Token (FTT) $ 62.91 4.49%
filecoin
Filecoin (FIL) $ 63.17 1.65%
dai
Dai (DAI) $ 1.00 0.08%
tron
TRON (TRX) $ 0.101773 0.58%
ethereum-classic
Ethereum Classic (ETC) $ 54.49 1.96%
theta-token
Theta Network (THETA) $ 7.06 3.50%
compound-ether
cETH (CETH) $ 83.25 1.96%
near
Near (NEAR) $ 12.38 0.84%
okb
OKB (OKB) $ 24.31 7.64%
tezos
Tezos (XTZ) $ 6.84 2.79%
hedera-hashgraph
Hedera (HBAR) $ 0.393021 0.80%
staked-ether
Lido Staked Ether (STETH) $ 4,120.80 2.77%
elrond-erd-2
Elrond (EGLD) $ 274.34 7.43%
the-graph
The Graph (GRT) $ 1.09 4.36%
crypto-com-chain
Crypto.com Coin (CRO) $ 0.205226 2.03%
monero
Monero (XMR) $ 281.69 2.26%
eos
EOS (EOS) $ 4.74 1.87%
pancakeswap-token
PancakeSwap (CAKE) $ 19.47 2.48%
aave
Aave (AAVE) $ 330.68 5.52%
quant-network
Quant (QNT) $ 316.93 0.84%
klay-token
Klaytn (KLAY) $ 1.62 0.08%
flow
Flow (FLOW) $ 13.19 2.01%
cdai
cDAI (CDAI) $ 0.021769 0.05%